O martírio dos apóstolos

A única morte de um apóstolo registrada na Bíblia é a de Tiago (Atos 12:2).
O rei Herodes o matou à espada, que provavelmente esteja se referindo à decapitação.
Narrativas sobre a morte dos outros apóstolos são encontradas somente nas tradições da igreja primitiva, mas não podemos assumi-los como verdadeiros.

A tradição mais aceita sobre a morte de um apóstolo foi a do apóstolo Pedro, que teria sido crucificado de cabeça para baixo, em Roma, de acordo com as palavras de Jesus em João 21:18.

A seguir uma lista das tradições mais aceitas sobre as mortes dos apóstolos:

Todos os apóstolos que andavam com Jesus morreram como mártires, com exceção de dois: Judas Iscariotes, que traiu Jesus e acabou se enforcando, e João, que após ser exilado na ilha de Patmos, obteve a liberdade e morreu de morte natural.

PAULO considerado apóstolo dos gentios por causa da sua grande obra missionária nos países gentílicos. Foi torturado e decapitado em Roma por ordem de Nero.

MATIAS, que ficou no lugar de Judas Iscariotes, foi martirizado na Etiópia.

SIMÃO, o zelote, foi crucificado.

JUDAS TADEU morreu como mártir pregando o evangelho na Síria e na Pérsia.

TIAGO (o mais jovem), pregou na Palestina e no Egito, sendo ali crucificado.

MATEUS morreu como mártir na Etiópia.

TOMÉ pregou na Pérsia e na Índia, sendo martirizado perto de Madras no monte de São Tomé.

BARTOLOMEU serviu como missionário na Armênia, sendo golpeado até a morte.

FILIPE pregou na Frígia e morreu como mártir em Hierápolis.

ANDRÉ pregou na Grécia e Ásia Menor. Foi crucificado.

TIAGO (o mais velho) pregou em Jerusalém e na Judéia. Foi decapitado por Herodes.

SIMÃO PEDRO pregou entre os judeus chegando até a Babilônia, esteve em Roma, onde foi crucificado com a cabeça para baixo.

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Douglas Hugentobler

Douglas é o diretor acadêmico da Universidade das Nações em Worcester, África do Sul. Ele faz parte da liderança da Jocum em Worcester, onde mora há 16 anos junto com sua esposa e filhas.

    Comentar pelo Blogger
    Comentar pelo Facebook