Algaritmo é usado para diferenciar autores bíblicos

Todos sabem que a Bíblia teve diversos autores - mas quantos exatamente e quais partes eles escreveram, tem sido motivo para muito debate.

Agora, cientistas de computação e estudiosos bíblicos de várias universidades Israelitas planejam acabar com este debate usando um cálculo algorítmico, que segundo eles, pode identificar os diferentes estilos literários dos autores.

Vários anos atrás o Professor Koppel da Universidade de Bar-Ilan liderou uma equipe que desenvolveu um cálculo algorítmico que pôde examinar um texto anônimo e determinar a sua autoria por sexo, masculino ou feminino, com mais de 80% de precisão.

Ele e seus colegas desenvolveram um algoritmo similar que divide automaticamente um documento composto de distintas vozes narrativas.

Ele funciona identificando automaticamente pequenos agrupamentos de textos que diferem na escolhas de sinônimos disponíveis, estilo linguístico e/ou pela inclinação ideológica. Por exemplo, um agrupamento pode usar a palavra 'makel' para se referir a um cajado, enquanto outra usa consistentemente 'mateh'.

Usando estas técnicas, os pesquisadores foram capazes de mostrar sua eficácia usando dois livros bíblicos misturados ao acaso, Jeremias e Ezequiel, e o novo texto pôde ser separado automaticamente, quase que perfeitamente.

A equipe diz que o resultado é de grande importância para os estudiosos da Bíblia. Quando empregado em livros em que o autor não é conhecido, ele pode identificar quais partes foram pelo o mesmo autor ou quantos autores contribuíram na composição do livro.

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Douglas Hugentobler

Douglas é o diretor acadêmico da Universidade das Nações em Worcester, África do Sul. Ele faz parte da liderança da Jocum em Worcester, onde mora há 16 anos junto com sua esposa e filhas.

    Comentar pelo Blogger
    Comentar pelo Facebook