Ritual de passagem Xhosa (circuncisão masculina)

Esta é uma celebração da tribo Xhosa, sul da África do Sul, onde um menino tem a oportunidade de se tornar um homem. Sem passar por este ritual, eles não conseguiram uma esposa, e serão sempre tratados como crianças. The abakwetha (jovem sendo iniciado) é depilado e recebe um banquete antes de ser levado para as montanhas onde um abrigo é construído por sua família. Este abrigo será sua moradia por várias semanas. Sem nenhum tipo de preparo, o cirurgião aparece e conduz a circuncisão. O prepúcio é removido, geralmente com uma navalha cega, e o jovem é deixado só. Ele se refugia no abrigo onde não poderá comer ou beber água até estar curado da ferida. O risco de infecção é alto. A navalha é usada para circuncidar vários jovens passando pelo ritual geralmente está infectada por DST.

Assista o vídeo da NatGeo em Inglês:

 

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Douglas Hugentobler

Douglas é o diretor acadêmico da Universidade das Nações em Worcester, África do Sul. Ele faz parte da liderança da Jocum em Worcester, onde mora há 16 anos junto com sua esposa e filhas.

    Comentar pelo Blogger
    Comentar pelo Facebook