Qual a mensagem do Evangelho? (Parte 3 de 5)

O Evangelho Proclamado

No livro de atos, tanto Paulo quanto Pedro, em diferentes circunstâncias pregaram o evangelho, apresentando a mensagem dos apóstolos à diferentes ouvintes, e viram estes responder em fé à Jesus.

A pergunta é: qual era a mensagem que eles pregaram?

Nós encontramos 6 proclamações do evangelho no livro de Atos: nos capítulos 2, 3, 4, 10, 13 e 17.

Aqui vai uma lista de quantas vezes cada um destes conceitos foram mencionados na apresentação do evangelho feita pelos apóstolos:

  • Inferno: 0 
  • Céu: 0
  • Pecado: 1 vez
  • A vida de Jesus: 4 vezes
  • A morte de Jesus: 9 vezes
  • A Ressurreição de Jesus: 15 vezes
  • O senhorio de Jesus: 10 vezes

Nós encontramos na apresentação do evangelho feita pelos apóstolos uma mensagem semelhante à apresentada por Paulo em 1 Coríntios 15.

O evangelho apresentado pelos apóstolos em todo o Novo Testamento era centrado na vida, morte, ressurreição e senhorio de Jesus. Estas eram as boas novas.

Os quatro Evangelhos

Na primeira página do Novo Testamento podemos encontrar estas palavras: O evangelho segundo Mateus. A igreja primitiva se referia aos primeiros quatro livros do Novo Testamento ‘Evangelho’.

Vamos o que diz Marcos 1:1 - “Princípio do evangelho de Jesus Cristo, o Filho de Deus.”

Sobre o quê estes livros falam? Sobre a vida, morte, ressurreição, e Senhorio de Jesus Cristo. O Novo Testamento não pode ser mais claro.

Qual a mensagem do Evangelho?

Resumindo o evangelho de maneira bem sucinta, podemos defini-lo como:

JESUS - A pessoa histórica, nascida em Belém, de Nazaré, Judeu que viveu durante o império Romano, carpinteiro e filho de José e Maria.
CRISTO - Que é a palavra greca para a palavra hebraica Messias. O que isto quer dizer? Ele é aquele que foi prometido no Velho Testamento, aquele que cumpriu os propósitos de Israel, que tornou os desígnios de Deus para Israel realidade, ele é o escolhido que foi profetizado por Isaías que tomou sobre si os pecados do mundo e que foi morto pelas nossas transgressões.
É - Ele não era, mas é. Ele está vivo, pois foi ressuscitado.
SENHOR - Rei e Senhor de todas as coisas.

Esta é a mensagem do Evangelho apresentada pelos apóstolos e por isto a maioria deles foi martirizada em arenas e coliseus, porque era uma confrontação direta ao evangelho romano. O evangelho romano diz que Cézar é Senhor, mas os cristãos se recusaram a aceitar isto e declaravam que JESUS CRISTO É O SENHOR. Ele está reinando sobre toda a criação. A ele eu declaro a minha submissão. Esta era a boa nova.

Compartilhe:

SOBRE O AUTOR

Douglas Hugentobler

Douglas é o diretor acadêmico da Universidade das Nações em Worcester, África do Sul. Ele faz parte da liderança da Jocum em Worcester, onde mora há 16 anos junto com sua esposa e filhas.

    Comentar pelo Blogger
    Comentar pelo Facebook